SAÚDE E BELEZA Reviewed by Momizat on .   Desvendando os cremes faciais: qual o tipo ideal para a sua pele? Quando o assunto é creme para o cuidado do rosto a oferta de tipos, qualidades, marcas   Desvendando os cremes faciais: qual o tipo ideal para a sua pele? Quando o assunto é creme para o cuidado do rosto a oferta de tipos, qualidades, marcas Rating: 0
Você está aqui:Home » Colunas » SAÚDE E BELEZA

SAÚDE E BELEZA

Topo de pagina

 

Desvendando os cremes faciais: qual o tipo ideal para a sua pele?

como-aplicar-os-cremes-faciais2

Quando o assunto é creme para o cuidado do rosto a oferta de tipos, qualidades, marcas são capazes de deixar tonta mesmo a mais antenada das mulheres. E poucas são as que ficam indiferentes às publicidades de tantos produtos que prometem uma pele perfeita.

Listamos aqui, algumas observações importantes para se levar em conta, quando vamos escolher o produto perfeito!

Três critérios básicos

Oleosidade: Para não errar na escolha do seu creme hidratante para o rosto, comece pela avaliação do tipo de pele, baseada no grau de oleosidade. As peles podem ser secas, mistas ou oleosas em qualquer idade. Esses fatores são determinados pela genética e não pelo tempo. Portanto, os cremes hidratantes para o rosto devem ser usados em qualquer fase da vida das mulheres.

3933448549-pele-do-rosto

Idade: Embora a variação genética também influencie e pessoas da mesma idade apresentem peles bem diferentes, os cremes para o rosto costumam, na média, funcionar bem para cada faixa etária indicada.

pele-oleosa-2

Marcas da pele: Os cremes faciais também devem ser escolhidos de acordo com a prioridade do tratamento. Quando a pele apresenta algum problema específico, como rugas ou manchas, há profissionais que indicam a utilização de cremes faciais específicos.

10.12.17-BehandlungsMethode-Broschüre.indd

Diferentes tipos de veículos que carregam os ativos dos produtos cosméticos

 

Outro detalhe que gera muita dúvida é quanto à textura do produto, ou seja, ele pode ser em gel, creme, sérum e por aí vai!

Tentando esclarecer isso vamos primeiro entender o que é a textura de um produto? É o que chamamos de veículo (a forma como um cosmético se apresenta), o que leva os ativos da fórmula do produto, a fórmula pode conter diversos ingredientes com várias finalidades!

creme-facial

CREME

Como é: possui textura mais densa, espessa e emoliente.

Indicado: para quem tem pele seca e sofre com a sensação de repuxamento e aspereza após lavar o rosto. Pode também ser recomendado para a pele normal, que é mais equilibrada, macia e flexível, mas que precisa de hidratação sob medida.

 

GEL

Como é: livre de óleo (oil free), possui textura fina e leve e é de rápida absorção. Por isso, nutre e hidrata a pele, promovendo seu equilíbrio, mas sem obstruir os poros nem deixar a superfície engordurada ou pesada.

Indicado: para pele oleosa, que sofre com o excesso de gordura produzido pelas glândulas sebáceas, que tem brilho exagerado, poros dilatados e tendência à formação de cravos e espinhas, e para a pele mista, que apresenta oleosidade na zona T do rosto (testa, nariz e queixo).

 

SÉRUM

Como é: à base de água, tem textura mais fluida e não gordurosa, penetra instantânea e profundamente na pele, regulando sua hidratação e deixando-a mais suave e aveludada. Contém maior concentração de certos princípios ativos se comparado aos cremes e géis, por isso, é altamente eficiente em tratamentos específicos (como para manchas, rugas, flacidez, entre outros).

Indicado: para todos os tipos de pele.

Matéria de hoje foi escrita por Daniela O. Vilela, graduada em Farmácia Generalista pela Universidade Federal de Alfenas no ano 2014. É Farmacêutica responsável da Farmácia e Drogaria Girassol Manipulação – Líder Saúde. Muito obrigada Daniela por nos esclarecer sobre esse tema que gera tantas dúvidas.

Gostaria de complementar a matéria com uma imagem do modo correto da direção dos movimentos de aplicação dos dermocosméticos na face. Os movimentos influencia  no resultado.

e71c043cd8f50f6b5c04678adc91ec52

 

ASSINATURA VANESSA

Comentários

Deixe um comentário

© 2016-2017 Jornal Tribuna Sul de Minas - Reproduções autorizadas mediante indicação da fonte tribunasuldeminas.com.br Os textos, opiniões e conteúdos presentes neste portal são de única e exclusiva responsabilidade de seus respectivos autores.

Voltar para o topo